OPINIÃO: Desabafo de Descontentamento Eleitoral

Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes...

quinta-feira, 14 de dezembro de 2017

OPINIÃO ESPECIAL: Artigo do Tempestade Noturna

A partir de agora no blog ÊHMB De Olho Na TV, vou abrir espaço para a opinião de gente que entende de verdade do assunto Televisão. E o primeiro a deixar o seu recado é um grande amigo de YouTube lá de Itatiba, interior paulista, região de Campinas, a 85 km de São Paulo, que pede para que sua identidade seja mantida em sigilo e por essa razão, responde pelo conhecido pseudônimo de Tempestade Noturna. Segue abaixo o artigo de opinião dele sobre as premiações que estão emergindo agora em tempos de fim de ano. E se você também tem vontade de ter um artigo de opinião publicado neste blog, mande um e-mail para mim, é só acessar no menu ao lado o meu canal no G+ e clicar em "Sobre". Lá está meu e-mail e se seu artigo for aprovado, será publicado nos dias em que não teremos programações antigas a serem postadas de acordo com a data do momento, conforme o novo esquema que este blog passa a adotar:

Destaques em Forma de uma Tempestade Passageira

Este é o blog do nosso Êgon Bonfim, mas ele resolveu descansar um pouco e alguém tinha que quebrar o galho durante a ausência dele... uma Tempestade Passageira, e fui incumbido de falar sobre premiações. Porém, antes de mais nada, gostaria de agradecer ao Êgon Bonfim pelo espaço, e também a duas outras pessoas, que sempre me apoiaram desde os tempos que escrevia para outro site: Matheus Dias (Teteu) e também Luís Rodrigues (Locutor/Comunicação), feras que entendem tudo e mais um pouco do riscado, dos chuviscos e fantasmas da nossa TV.
Agora, sobre o tema proposto, a premiação da APCA (Associação Paulista dos Críticos de Arte) com certeza é a que tem mais credibilidade, ao contrário da proteção de Sílvio Santos no Troféu Imprensa, e mais ainda, a descarada festa da firma que a Globo proporciona todos os anos no palco do Domingão do Faustão. Nesta festa da APCA, participam os mais importantes críticos de televisão, do naipe de José Armando Vanucci, Flávio Ricco, Cristina Padiglione, Nilson Xavier, entre outros. Uma premiação que deveria sim ser melhor investida e ter alguma TV aberta transmitindo.
Superficialmente falando, os destaques de 2017, paira na cabeça de algumas figuras. No campo de atuação, Carol Duarte incorporou na sua Ivana uma personagem densa, firme, que se transformou no Ivan ao longo da novela A Força do Querer, com uma carga dramática bastante elevada. Se mantiver o foco, certamente Carol Duarte será uma das atrizes mais lembradas de sua geração. Na música, muito se fala do controverso Pabllo Vittar, ou até mesmo do funkeiro MC Kevinho, ambos com um estilo de música para "curtir adoidado" nas baladas e bailes funks da vida, para a mulherada "rebolar a raba", onde as pessoas exercitam a libido como se fossem aparelhos de academia. Se fala também de Ana Vilella, compositora da música Trem-Bala, reflexiva canção. Correm por fora MC Livinho, Ivete Sangalo, Wesley Safadão, Anitta, Ana Vitória, Simone & Simaria.
O grande destaque musical de 2017 atende pelo nome de Kell Smith. Dona do hit Era Uma Vez, que pelo nome poderia ser apenas uma regravação do clássico de Sandy & Júnior juntamente com Toquinho. Mas não, a jovem cantora e compositora simplesmente está deixando um novo clássico da música brasileira, e provando que a MPB, ainda de forma tímida, continua viva e lançando gente talentosa. Esperamos que 2018 ela nos presenteie com novos sucessos.
Um outro destaque que o Prêmio APCA levou em conta é a desenvoltura e o talento de Tatá Werneck. Ela arrebentou no programa Lady Night no canal Multishow, com uma liberdade e espontaneidade que há muito tempo não era visto numa apresentadora. Esse lado, inclusive, está mais afiado e pronto do que seu lado atriz, no qual ela tem muito o que crescer.
Terminando, esse espaço cedido pelo Êgon, agradecer demais a você leitor que tem prestigiado a Memória Televisiva, os vídeos raros que este nosso grupo de colecionadores tem postado nesses dias, meses e anos. Um papel que deveria ser das emissoras, mas nós damos a cara a tapa.
Agradecimentos Especiais: Êgon Bonfim, Juliano Trindade, Fábio Marckezini, Mickael "DVP" Geiger, Dilermando Dias, Danilo "Pedro Janov" Rodrigues, Ricardo Alves (o ARQUIVÃO), Ted Sartori (Arquivos 1000 e Só Esportes) Fernando (dono do canal VHSTV1991), ao outro Fernando (Tevê With Lasers), Higor Vieira, Di Marco Solena (Arca da Fuzarca), RWFWREC (assuntos de Banheira do Gugu e similares), Jessé Maia de Oliveira (Raridade Absoluta), Marque Neto (MofoTV) e a tantos outros que contribuem ou contribuíram para a memória televisiva.